Paraná Extra

Agricultores de Ponta Grossa reclamam de assaltos

Os agricultores de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, reclamam da falta de segurança e do aumento do número de assaltos nas propriedades rurais. A distância do centro da cidade e o sossego do campo seriam uma espécie de facilitador para os ladrões.

 

O produtor rural Cláudio Nekatschalow diz que teve um prejuízo aproximado em R$ 100 mil em um dos assaltos. Enquanto ele e família se ausentaram do sítio para ir a uma festa de aniversário, os ladrões invadiram e levaram grande parte das carpas que estavam no açude e algumas cabeças de gado. Os eletrônicos e eletrodomésticos que estavam na casa também foram furtados.

 

Para incentivar os proprietários rurais a registrar boletim de ocorrência, representantes do Sindicato Rural de Ponta Grossa visitam as fazendas e os sítios da região para explicar que o documento vai ajudar a montar uma rede de informações, que posssivelmente, deve ajudar a evitar que os assaltos se repitam.

 

“Hoje com o benefício do celular e de mensagens, a gente consegue se comunicar com muita agilidade. Então devemos usar essa agilidade para conseguir pegar os assaltos no momento em que eles acontecem”, relata Gustavo Ribas Neto, integrante do sindicato. “Teremos mais segurança. Ao menos, esperamos”, complementa Nekatschalow.

 

(G1 PR)

Deixe uma resposta