Paraná Extra

Alvaro Dias diz que Dilma afronta inteligência do brasileiro

A decisão da presidente Dilma Roussef de pedir informações à Comisão de Ética na Presidência informações a sobre a situação do ministro do Trabalho, Carlos Lupi, foi alvo de duras críticas da oposição.

O líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias afirmou que é uma afronta à inteligência dos brasileiros dizer que há um esforço do governo para moralizar a atividade pública.

– Nós somos obrigados a afirmar que se trata de uma afronta à inteligência dos brasileiros a afirmativa de que há um esforço do governo para moralizar a atividade pública no País. A chamada faxina se constituiu em farsa e encenação, tentativa de iludir a opinião pública do País. O que é mais grave: não há providências rigorosas no combate à corrupção e à impunidade e há a manutenção de um modelo permissivo que contribui para aumentar os índices de corrupção no país.

Deixe uma resposta