Paraná Extra

Aprovado projeto que prevA? perAi??odo de tolerA?ncia nos pedA?gios

A Assembleia Legislativa do ParanA? aprovou o projeto de vardenafil online pharmacy, vardenafil online pharmacy, vardenafil online pharmacy, vardenafil online pharmacy, vardenafil online pharmacy, vardenafil online pharmacy. lei que garante aos usuA?rios das rodovias pedagiadas do estado um perAi??odo de tolerA?ncia de 20 minutos para atravessar a mesma praAi??a de pedA?gio, se houver efetuado o pagamento da tarifa. Assim, o motorista nA?o terA? que pagar duas vezes a mesma tarifa de pedA?gio. O texto, assinado pelo deputado Paulo Litro (PSDB), avanAi??ou em primeiro turno de votaAi??A?o na sessA?o plenA?ria desta segunda-feira (6).

De acordo a proposta de nA? 644/2017, o Poder Executivo teria que incluir uma clA?usula no contrato de concessA?o que preveja o direito dos motoristas de nA?o pagar uma nova tarifa em casos, por exemplo, de o motorista errar a rota no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol, no prescription carvedilol. e se ver obrigado a realizar o retorno. O autor da proposta afirma na justificativa do texto que o pagamento de uma nova tarifa em casos de correAi??A?o de rota se trata de uma situaAi??A?o que gera flagrante injustiAi??a aos usuA?rios das rodovias pedagiadas do estado. ai???Esta prA?tica Ai?? adotada em alguns estacionamentos pA?blicos ou de shoppings centers, por cerca de quinze minutos. No entanto, o tempo de tolerA?ncia previsto no projeto Ai?? um pouco superior, com vista a permitir aos motoristas consigam fazer regresso em rodovias onde os retornos ficam mais distantesai???, explica Litro.

Ainda segundo o projeto, a comprovaAi??A?o pelo usuA?rio serA? realizada atravAi??s do cupom fornecido pela concessionA?ria no ato do pagamento da tarifa. Em caso de descumprimento da lei, as concessionA?rias serA?o advertidas. Em caso de reincidA?ncia, poderA?o ser aplicadas multas no valor de 100 a 500 Unidades PadrA?o Fiscal do ParanA? (UPF-PR). Cada UPF/PR, em valores de maio de 2019, segundo a Secretaria de Estado da Fazenda, corresponde a R$ 103,26.

Deixe uma resposta