Paraná Extra

Aumento de casos da Covid-19 faz Saúde descartar volta às aulas

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) orientou pela impossibilidade de retorno das aulas presenciais, diante do que chamou de “aumento significativo” de casos de Covid-19 no Paraná. A nota, que descarta a volta das atividades curriculares, foi emitida na noite desta quarta-feira (18). No mês passado, o Governo do Estado chegou a cogitar a retomada em novembro.
Conforme o comunicado, a transmissão ainda é comunitária no estado. Por isso, a SESA ressalta a importância do distanciamento social, do isolamento domiciliar, da utilização de máscara, da lavagem das mãos e uso de álcool em gel. A Secretaria destaca que vem adotando medidas transparentes e responsáveis do ponto de vista sanitário desde o início da pandemia, que não acabou.

A nota reforça que o aumento de casos e óbitos é reflexo da maior circulação de pessoas, dos recentes feriados prolongados e da campanha eleitoral. E, que, apesar do acréscimo, isso não representa a chamada segunda onda.

Há um mês, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEED) autorizou o retorno de atividades extracurriculares presenciais em 54 colégios estaduais e em todas as escolas particulares para estudantes com mais de cinco anos de idade.

Deixe uma resposta