Paraná Extra

Cargas especiais complicam o tráfego pela BR-277

Cinco conjuntos que transportam cargas especiais (superdimensionadas) sairam de Paranaguá através da BR 277. A circulação das cargas, com alturas que ultrapassam seis metros, exigiu operações especiais para orientação e controle do tráfego na rodovia até o período da tarde.

 

Equipes da Ecovia e Polícia Rodoviária Federal (PRF) fazem a escolta das cargas com paradas em locais pré-estabelecidos com o propósito de reduzir possíveis conflitos e/ou formação de filas. A uma velocidade média de 10 km/h, os veículos vão do km 5 até o km 29 (acesso a Morretes), alternando trechos em que trafegarão na contramão para desviar dos viadutos de acesso às PR 407 e PR 508, o que exige o bloqueio parcial do tráfego no sentido Paranaguá.

 

Na quarta-feira (28), os veículos voltam a circular pela BR 277 saindo do km 29 até o km 63. A última etapa de operação na BR 277 deve acontecer no sábado (31/03), quando os veículos deixam a BR 277 e seguem rumo a Três Lagoas (MS), destino final das cargas.

Deixe uma resposta