Paraná Extra

CNH poderá custar menos para o bom motorista

A Comissão de Obras Públicas, Transportes e Comunicação da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), presidida pelo deputado Tião Medeiros (PTB), aprovou em reunião na tarde desta terça-feira (9) o projeto de lei nº 264/2015, que propõe redução nas taxas para renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no Paraná. A proposta é de autoria do deputado licenciado Guto Silva (PSD). A medida valeria para os motoristas que não tenham cometido infrações nos períodos de 12 ou 24 meses, com valores escalonados. As reduções seriam de 10% e 15%, respectivamente. O objetivo é premiar o “bom motorista” e promover o respeito às regras de trânsito.

Pedágios – Foi aprovado também o projeto de lei nº 35/2015, do deputado Anibelli Neto (MDB), que obriga a afixação de informativos nas praças e pedágio das concessionárias detalhando o Cronograma de Obras de Exploração do Lote. De acordo com o texto, dar publicidade ao que está previsto nos contratos com o Governo do estado “é uma forma de possibilitar que a população fiscalize o cumprimento dessas obrigações que visam uma melhora das rodovias paranaenses”. De autoria do deputado Marcio Pacheco (PDT), o projeto nº 682/2017, que propõe a isenção da cobrança de pedágio a autistas que estejam fazendo tratamento fora dos municípios em que residem, recebeu pedido de vista pelo deputado Soldado Adriano José (PV) e deve retornar à pauta da Comissão na próxima reunião do grupo.

Deixe uma resposta