Paraná Extra

Com aval da maioria da bancada do PR, Câmara rejeita denúncia contra Temer

Com o aval da maioria dos votos da bancada do Paraná, a Câmara dos Deputados rejeitou a segunda denúncia criminal contra o presidente Michel Temer (PMDB). Com a decisão, a Justiça fica impedida de processá-lo pelos crimes de obstrução de Justiça e organização criminosa, pelo menos até o fim do mandato em dezembro de 2018, quando ele perde o foro privilegiado.

Temer, que passou mal e foi substituído à um procedimento de desobstrução urológico à tarde, tinha sido denunciado pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot com base em provas e depoimentos das colaborações premiadas de executivos da JBS e do operador do PMDB Lúcio Funaro. Para ser aprovada a abertura de ação penal contra Temer eram necessários os votos de 342 deputados, mas a oposição não teve força para alcançar esse placar.

Votos do Paraná

Veja como votaram os deputados paranaenses:

 

SIM – Pelo arquivamento

Alex Canziani (PTB)
Alfredo Kaefer (PSL)
Dilceu Sperafico (PP)
Edmar Arruda (PSD)
Evandro Roman (PSD)
Fernando Giacobo (PR)
Hermes Parcianello (PMDB)
João Arruda (PMDB)
Luiz Carlos Hauly (PSDB)
Luiz Nishimori (PR)
Nelson Meurer (PP)
Nelson Padovani (PSDB)
Osmar Bertoldi (DEM)
Osmar Serraglio (PMDB)
Reinhold Stephanes (PSD)
Sergio Souza (PMDB)
Hidekazu Takayama (PSC)
Toninho Wandscheer (Pros)

NÃO – Pelo prosseguimento da denúncia:

Aliel Machado (Rede)
Assis do Couto (PDT)
Christiane Yared (PR)
Diego Garcia (PHS)
Enio Verri (PT)
Fernando Francischini (SD)
Leandre (PV)
Leopoldo Meyer (PSB)
Luciano Ducci (PSB)
Rubens Bueno (PPS)
Sandro Alex (PSD)
Zeca Dirceu (PT)

Deixe uma resposta