Paraná Extra

Comércio vai contratar menos temporários para o Natal

O número de empregos temporários que serão criados para atender a demanda do comércio no Natal deste ano será menor que o do ano anterior. Apesar disso, a chance de efetivação é maior e chega a 86%.  A sondagem realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná, Fecomércio PR, visou identificar o percentual de estabelecimentos comerciais com intenção de contratar temporários para as festas de final de ano em 2017. O resultado aponta a real percepção do empresário para com a economia, respondendo se os lojistas esperam melhores vendas para o período, pois a alteração do quadro laboral espelha a real sensação de segurança de que o comércio terá vendas mais expressivas que no ano anterior, ou em anos anteriores.

O comércio varejista foi o setor que se mostrou mais esperançoso com a data. Lojistas que responderam sim para as contratações apontam 16%, contra 6% das respostas positivas dos empresários do setor de serviços.

No aspecto geral, a intenção de contratação de temporários ficou em 13,6% para o final desse ano. Em 2016, a intenção em otimizar o quadro funcional era de 16%, e em 2015, 14,5%, o indicador aponta certa timidez na expectativa dos empresários para a data mais importante do comércio varejista. As maiores intenções de contratação estão na capital, onde 14,6% das empresas pretendem aumentar o quadro, contra 10,4% do interior.

A boa notícia é que a maioria dos empresários que pretende contratar aparenta intenção em manter o colaborador no quadro, somando 86%.

Deixe uma resposta