Paraná Extra

Depois de cinco dias acaba a rebeliA?o na Casa de CustA?ria

A rebeliA?o na Casa de CustA?dia de Curitiba, que comeA�ou na noite de domingo (1A?), foi encerrada na manhA? desta quinta-feira (5). Os amotinados libertaram nesta manhA? o A?ltimo agente que estava como refA�m. Ao todo, cinco agentes penitenciA?rios foram pegos pelos detentos. O primeiro foi liberado ainda no domingo e outros trA?s saA�ram nesta quarta-feira. Todos passam bem.

O Sindicato dos Agentes PenitenciA?rios do ParanA? (Sindarspen) informou que os presos que participaram da rebeliA?o devem ser levados para a delegacia para serem indiciados por cA?rcere privado, tortura, e destruiA�A?o do patrimA?nio. NA?o foi informado atA� o momento quais as reinvindicaA�A�es foram atendidas na negociaA�A?o.

Ontem, dois dos servidores soltos foram encaminhados ao Hospital do Trabalhador com ferimentos moderados. Segundo um agente que acompanhou o socorro, que preferiu nA?o se identificar, apesar de tudo o que passaram, os rapazes liberados estA?o bem. a�?Eles estA?o fisicamente machucados, um sofreu uma lesA?o na testa e estava com os olhos roxos, mas atA� que saiu em bom estado psicologicamente. Mesmo diante de tudo isso, eles estA?o tranquilosa�?, afirmou A� Banda B.

Agentes soltos foram encaminhados para o Hospital do Trabalhador. (Foto: AntA?nio Nascimento a�� Banda B)
Para o trabalhador, a rebeliA?o na CCC A� mais um exemplo da precariedade do sistema prisional brasileiro. a�?Em todo local onde nA?s prestamos serviA�os o risco A� iminente, de fuga, de rebeliA?oa��a�?, desabafou.

O motim teve inA�cio por volta das 18h de domingo, motivado por uma briga entre grupos rivais. Dos cerca de 600 presos, 172A� se rebelaram em uma das galerias. A principal reivindicaA�A?o dos rebelados A� a transferA?ncia de sete detentos que foram levados da Casa de CustA?dia para outras cadeias do interior do ParanA?.

(Portal Banda B)

Deixe uma resposta