Paraná Extra

Dois ataques a caixas eletrônicos em Curitiba. Num deles, três prisões

Um trio já havia estendido a lona na frente da agência e se preparava para cortar um dos caixas eletrônicos, quando foi flagrado por socorritas de uma ambulância do Siate. Os bombeiros passavam pela Avenida Toaldo Túlio, no bairro São Braz em Curitiba, e avisaram a polícia. Era madrugada desta terça-feira (3).

 

Os marginais perceberam que seriam delatados pelos socorristas e resolveram fugir. Uma equipe do 13º Batalhão da Polícia Militar – a mesma que atendeu outro caso de caixa eletrônico cortado na semana passada – foi atrás dos ladrões. Eles foram presos num Fiat Palio branco em frente à fábrica da Bosh na Avenida Juscelino Kubitschek, Cidade Industrial de Curitiba.

 

Gabriel Olício de Oliveira, 34 anos, Helton Giovani Lemos, 19, e um adolescente de 17 anos, foram capturados e com eles apreendido o equipamento usado para cortar caixas eletrônicos. Oliveira mora em Curitiba, Lemos é de Joinville-SC e o menor de Arapari-SC.

 

Policiais resolveram verificar a placa do carro e descobriram que estava no nome de uma mulher, moradora do bairro Sítio Cercado. Foram até lá e descobriram que ela tinha vendido o carro para Oliveira na última sexta-feira, pelo valor de R$ 3 mil – ela alega que estava com dificuldades para pagar o financiamento. Ele teria pagado tudo em notas de R$ 20,00.

 

Os policiais interrogaram Oliveira, que acabou confessando. Ele tinha conseguido o dinheiro no caixa do Banco Santander da Rua João Dembinski, cortado na quinta-feira, 29 de março – um dia antes da compra do veículo. Algumas notas entregue a proprietária estavam chamuscadas, segundo a polícia.

 

Os dois maiores foram encaminhados para o Cope (Centro de Operações Policiais Especiais), no bairro Boqueirão e o menor levado para a Delegacia do Adolescente.

 

EXPLODIDO

Outra quadrilha que agiu também na madrugada desta terça-feira, conseguiu fugir levando o dinheiro do caixa eletrônico. A ação aconteceu por volta das 4h, na Rua Anne Frank. O caixa eletrônico do Bradesco fica no pátio do Shopping Pólo das Malhas. Os bandidos usaram dinamite para explodir o terminal e fugiram em seguida.

 

A PM enviou uma equipe ao local, mas as informações colhidas sobre os autores eram desencontradas. O caso foi repassado aos investigadores do Cope.

(Portal Banda B)

O caixa que foi explodido num shopping da Vila Hauer. (Foto: Banda B)

O caixa que foi explodido num shopping da Vila Hauer. (Foto: Banda B)

Deixe uma resposta