Paraná Extra

Dólar baixo provoca grandes filas na Ponte da Amizade

Com a baixa do dólar, o movimento é intenso na Ponta Internacional da Amizade, principal acesso ao País vizinho, o Paraguai.

O movimento começa muito cedo, as filas são quilométricas para acessar o Paraguai e conseguir efetuar compras. Há um mês, a moeda estrangeira está em declínio, com isso os brasileiros aproveitam para comprar no país vizinho.

A cota para comprar no país vizinho sem pagamento de imposto é de US$ 300 por pessoa via terrestre ou fluvial e via aéreo o valor sobe para 500 dólares.

A circulação no último mês tinha caído significativamente, já que o dólar chegou em setembro aos R$ 4,19 – a maior alta desde janeiro de 2016. Hoje a moeda é cotada a R$ 3,71.

(Catve)

Deixe uma resposta