Paraná Extra

Em um ano, Capital teve um dos maiores aumentos nas passagens aéreas

Em janeiro, o preço das passagens aéreas subiu 10,54%, em média, ante uma queda de 2,06% em dezembro, de acordo com os dados divulgados nesta terça-feira (24) na prévia do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), medido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Das 10 capitais analisadas pelo instituto, todas registraram aumento nos preços, com destaque para o Distrito Federal, onde a passagem ficou 13,59% mais cara.

Os preços das passagens acumulam nos últimos 12 meses alta de 59,35%. Neste caso, o destaque é o Rio de Janeiro, que registrou alta de 72,81%. Goiânia e Curitiba aparecem em seguida, com acréscimos de 64,89% e 64,46%, como mostra a tabela abaixo:

Variação do Preço das Passagens Aéreas

Capital Janeiro – 12 meses

Rio de Janeiro 10,93% – 72,81%

Porto Alegre 9,01% – 57,83%

Belo Horizonte 12,42% – 54,62%

Recife 7,50% – 64,27%

São Paulo 12,50% – 50,22%

Distrito Federal 13,59 – 59,91%

Fortaleza 6,16% – 55,57%

Salvador 5,59% – 56,05%

Curitiba 8,63% – 64,46%

Goiânia 1,38% – 64,89%

Nacional 10,54% – 59,35%

(Fonte: IBGE)

Transportes

A alta registrada no preço das passagens aéreas contribuiu para o aumento de 0,79% no grupo Transportes – que, além das passagens aéreas, é composto por ônibus urbano, táxi, trem, ônibus intermunicipal, ônibus interestadual, ferry-boat, metrô, barco e transporte escolar.

Belo Horizonte e Rio de Janeiro foram as capitais onde o transporte teve a maior alta, de 2,21% e 1,91%, nesta ordem. Neste mês, todas as 10 capitais analisadas registram alta.

Nos últimos 12 meses, o grupo já acumula alta de 5,94%. Os destaques são Rio de Janeiro (7,90%), Belo Horizonte (7,89%) e Distrito Federal (7,61%).

(Infomoney)

Deixe uma resposta