Paraná Extra

Estado quer liderar produção nacional de trigo com 3,7 milhões de toneladas

O Paraná espera produzir 3,7 milhões de toneladas de trigo e ser o maior produtor nacional do ceral, de acordo com boletim do Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (Seab).Conforme o levantamento, divulgado na sexta-feira (31), o estado tem área plantada de 1,13 milhão de hectares. A expectativa de produção supera a quantidade colhida em 2019 em 1,6 milhão de tonelada.
Segundo o boletim, terminar julho com estimativa de safra cheia é positivo, visto que as geadas poderiam ter comprometido a produção.
O Deral aponta que o trigo foi uma das culturas que mais surpreendeu positivamente neste ano, “com potencial para uma produção excepcional, em muitos anos”.
O engenheiro agrônomo do Deral Carlos Hugo Godinho explica que o trigo, por ser uma cultura de inverno, é muito vulnerável aos riscos do clima.
Para ele, a preocupação está no decorrer dos próximos 15 dias, que têm previsão climática de ausência de chuvas e ocorrência de dias quentes. Isso pode prejudicar o desempenho final das lavouras.
Os produtores já venderam em torno de 15% da produção estimada, segundo o agrônomo. O recorde de venda antecipada em julho havia sido de 10%. O atrativo são os preços do trigo, em torno de R$ 60 a saca com 60 kg.

(G1)

Deixe uma resposta