Paraná Extra

Festa do Rocio será sem procissões mas com missas presenciais

Por causa da pandemia da Covid-19, A tradicional Festa do Rocio em Paranaguá terá um formato diferente para evitar a aglomeração de pessoas.
A festa ocorre entre os dias 01 e 16 de novembro. A data em homenagem à Padroeira é comemorada no dia 15. Segundo reitor do santuário, Padre Dirson Gonçalvez, uma das festas religiosas mais tradicionais do país teve que se adaptar aos tempos de pandemia.

O evento deste ano será voltado apenas para a parte religiosa, portanto, não haverá barracas de comércio nem o parque de diversões.

Será mantida a programação de novenas de 6 a 14 de novembro, com transmissão pela Internet. No entanto, as missas vão ocorrer de forma presencial. Serão diversos horários para permitir a presença física dos fiéis.

As tradicionais procissões ciclística, marítima, motociclística e a cavalgada, só devem voltar em 2021. Mas a carreata está mantida na edição deste ano.

As celebrações dentro da igreja vão ocorrer com a metade da capacidade de lotação, conforme decreto publicado pela Prefeitura de Paranaguá.

Nossa Senhora do Rocio foi declarada Padroeira do Estado do Paraná em 1977.

Deixe uma resposta