Paraná Extra

Foz do Iguaçu pode recuperar 93% das conexões aéreas até dezembro

Se depender da programação das companhias aéreas, Foz do Iguaçu deverá recuperar até o mês de dezembro 93% dos pousos e decolagens e 86% dos assentos ofertados em relação ao que tinha no mesmo período do ano passado.

O levantamento foi feito com base na programação das companhias áreas registrada no sistema de gestão de vendas Sabre, ferramenta de pesquisa e reserva das viagens aéreas, que mapeia, em tempo real, as mudanças de voos de mais de 400 empresas do mundo inteiro.

Para o mês de dezembro, estão programados 1.455 pousos e decolagens no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, uma média de 47 por dia, que resultarão na oferta de 219.386 assentos.

Para o mês de outubro, Estão programados 1.028 pousos e decolagens e 154.598 assentos. E para o mês de novembro, 1.405 pousos e decolagens e 212.018 assentos.
“São voos programados. Se houver demanda, e as condições sanitárias forem favoráveis, independente da chegada de uma vacina, esperamos que todos esses voos sejam confirmados“, afirma o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla.

Deixe uma resposta