Paraná Extra

Fraude em licitaAi??Ai??es leva Gaeco a prender secretA?rio em Antonina

TrA?s pessoas foram presas nesta segunda-feira (20), em Antonina, no Litoral paranaense, em aAi??A?o do nA?cleo de Curitiba do Grupo de AtuaAi??A?o Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MinistAi??rio PA?blico do ParanA?, na segunda fase da OperaAi??A?o Proclamador. Os mandados de prisA?o preventiva, solicitados pela 1A? Promotoria de JustiAi??a de Antonina, foram expedidos pela Vara Criminal da comarca contra o secretA?rio municipal de Obras e Planejamento, Arlindo JosAi?? Ricardo, um ex-pregoeiro e presidente da ComissA?o de LicitaAi??A?o do MunicAi??pio e um contador, operador do esquema criminoso.

A primeira fase da OperaAi??A?o Proclamador foi deflagrada em 22 de agosto, com o cumprimento de mandados de busca e apreensA?o nas residA?ncias e locais de trabalho dos investigados. A investigaAi??A?o apura a utilizaAi??A?o de empresas ai???laranjasai??? para participaAi??A?o em processos licitatA?rios do MunicAi??pio ou para oferta de orAi??amentos em caso de contratos com dispensa de licitaAi??A?o. Essas empresas seriam utilizadas para dar aparA?ncia de competiAi??A?o real, quando, segundo o que foi apurado, o resultado jA? estaria previamente dirigido.

Os investigados sA?o suspeitos da prA?tica dos crimes de associaAi??A?o criminosa, falsidade ideolA?gica, falsificaAi??A?o de documento particular, fraudes em licitaAi??Ai??es, irregularidade em dispensas e inexigibilidade de licitaAi??A?o, corrupAi??A?o ativa e passiva e peculato.

Deixe uma resposta