Paraná Extra

Governo vai pagar ainda mais caro pela manutenção da frota de veículos

A nova licitação aberta pelo governo do Paraná para a manutenção da frota de veículos oficiais prevê um gasto 34,27% maior que o valor que vinha sendo destinado no contrato anterior, com a JMK. O pregão eletrônico para a contratação dos serviços está marcado para o próximo dia 12, às 9h15, e o valor máximo foi fixado em R$ 147.888.904,00, para um período de 24 meses. Ou seja, R$ 73.944.452,00 por ano. (ver abaixo)

No caso da JMK, os valores destinados à manutenção da frota pública foram de R$ 55.069.300,00 por ano, durante os cinco anos de vigência do contrato.

Até agora, o governo não deu nenhuma explicação para o generoso reajuste que orienta o preço-teto da nova licitação. Certamente, o estado da frota não justifica esse aumento, uma vez que, além da redução da idade média dos veículos, com as aquisições ocorridas nos últimos anos, hoje há um controle mais eficaz de todos os serviços de manutenção, ao contrário do que acontecia antes da implantação do gerenciamento de frota.

Registre-se ainda que os valores que estão sendo pagos atualmente, com a contratação emergencial da Maxifrota, já são maiores que os preços praticados pela JMK, defenestrada pela operação policial que resultou em prisões e processos judiciais, além de uma CPI na Assembleia Legislativa.

Deixe uma resposta