Paraná Extra

Heinz deixa Tribunal de Contas. Deve ser substituido por Durval Amaral

O engenheiro Heinz Herwig despediu-se, agora à tarde (27) do Tribunal de Contas do estado do Paraná. Deixou a vaga d econselheiro alguns dias antes de chegar aos 70 anos, limite para a aposentadoria compulsória. Sua vaga deverá ser preenchida pelo atual chefe da Casa Civil, deputado Durval Amaral (DEM), que deve ser o nome apoiado pelo governador Beto Richa.

Nos próximos dias, a Assembléia Legislativa deverá dar início ao processo de substituição do conselheiro, que deve passar a atuar na iniciativa privada, ao lado do ex-governador João Elisio Ferraz de Campos. Heinz foi cotado para ocupar uma secretaria no atual governo, mas deve optar em permanecer fora do cenário público, segundo seus assessores.

Durval já foi candidato a conselheiro mas teve o nome preterido. Agora, sua indicação é dada como certa, mas o deputado não deverá retornar à Assembléia para disputar a vaga. O deputado já tem inclusive o apoio declarado da bancada do PMDB, que à exceção de um único deputado – Anibelli Filho – faz parte da bancada de apoio ao governo.

Livro

A trajetória profissional e como homem público do conselheiro Heinz Georg Herwig é tema do livro “O Alemão”, que foi lançado nesta tarde. Escrita pelo jornalista Pedro Ribeiro, a publicação reúne cerca de 50 depoimentos. Herwig, que completará 70 anos em 14 de maio,  foi secretário de Transportes do Paraná em dois governos e deputado estadual. No Tribunal, foi presidente em 2005 e 2006. O governador Beto Richa e o prefeito Luciano Ducci participam do lançamento do livro, dentre outras autoridades.

Deixe uma resposta