Paraná Extra

IdentificaAi??A?o e cuidados com a saA?de garantem Carnaval tranquilo para crianAi??as

Carnaval tambAi??m Ai?? sinA?nimo de diversA?o para as crianAi??as, que aproveitam os dias de folia para brincar e danAi??ar em bailes e blocos de rua. Os pais, no entanto, devem estar atentos e ter alguns cuidados para garantir que nA?o haja transtornos, como a perda da crianAi??a e problemas de saA?de.

A primeira orientaAi??A?o Ai?? a identificaAi??A?o dos pequenos que vA?o sair para as festas. ai???Os pais podem identificar de qualquer forma, com pulseira ou colocar um adesivo colado, ou atAi?? escrever no braAi??o da crianAi??a. Mesmo as crianAi??as mais velhas podem ficar assustadas e nA?o saber dizer o nome ou o telefone dos paisai???, diz a supervisora do Setor de ProteAi??A?o e ApuraAi??A?o da Vara da InfA?ncia e Juventude do Distrito Federal, Ana Luiza Muller.

Ela orienta tambAi??m para que os pais levem uma cA?pia ou original do documento de identidade dos filhos. Em relaAi??A?o aos adolescentes, os pais devem conversar e orientar os filhos em relaAi??A?o ao consumo de bebidas alcoA?licas.

AlimentaAi??A?o e saA?de

Entre as dicas da organizaAi??A?o nA?o governamental (ONG) CrianAi??a Segura para garantir a tranquilidade do carnaval infantil estA? o cuidado com a alimentaAi??A?o, oferecendo comidas leves, e com a hidrataAi??A?o dos pequenos. ai???Mas, lembre-se: na hora de comer Ai?? melhor que a crianAi??a esteja parada e calma, para que ela mastigue bem e devagar os alimentos, evitando, assim, engasgamentoai???, alerta a entidade.

As roupas para pular o carnaval devem ser leves, sem cordAi??es ou botAi??es pequenos, para evitar acidentes, e os sapatos devem ser confortA?veis. Outra dica da ONG Ai?? tomar cuidado com adereAi??os, como confete, serpentina, espuma, tatuagens temporA?rias, tinta e glitter, para evitar casos de intoxicaAi??A?o e sufocamento. Os pais devem observar se os produtos sA?o atA?xicos e orientar a crianAi??a a nA?o colocar confete na boca, enrolar a serpentina no pescoAi??o ou brincar de jogar espuma nos olhos e na boca de outras pessoas.

DenA?ncias

Uma campanha lanAi??ada pela Secretaria Nacional dos Direitos da CrianAi??a e do Adolescente, do MinistAi??rio dos Direitos Humanos, tem como objetivo conscientizar a populaAi??A?o a denunciar qualquer situaAi??A?o de violA?ncia, especialmente a exploraAi??A?o sexual, o trabalho infantil e o uso de A?lcool e drogas por crianAi??as e adolescentes no carnaval.

Com o tema ai???Respeitar, proteger, garantir ai??i?? todos juntos pelos direitos da crianAi??a e do adolescenteai???, a campanha tambAi??m busca alertar para o combate Ai?? violaAi??A?o de direitos de meninos e meninas em situaAi??A?o de rua e para os riscos de desaparecimento de crianAi??as.

Para fazer denA?ncia de violaAi??Ai??es de direitos humanos no paAi??s, os contatos sA?o o Disque 100 (Disque Direitos Humanos) e o aplicativo Proteja Brasil.

Veja dicas para garantir um carnaval seguro:

– Identifique as crianAi??as com a carteirinha ou pulseiras que serA?o distribuAi??das pela PolAi??cia Militar;

– NA?o deixe, em nenhum momento, as crianAi??as sozinhas;

– Cuide da hidrataAi??A?o e alimentaAi??A?o;

– Use fantasias leves e calAi??ados confortA?veis;

– Evite permanecer com suas crianAi??as em grandes aglomerados e tumultos;

– Evite subir com crianAi??as em trios elAi??tricos;

– Oriente seu filho a evitar contato, carona, alimento ou presentes de pessoas estranhas;

– Oriente as crianAi??as a procurar o policial mais prA?ximo caso ela se perca ou precise de ajuda;

– Evite levar objetos de valor como brincos, colares, relA?gios, A?culos e carteira com muito dinheiro;

– Evite usar o telefone celular no meio da multidA?o.

(AgA?ncia Brasil)

Deixe uma resposta