Paraná Extra

Julgamento do PMs pode ser encerrado ainda hoje

Pode acabar ainda hoje (9) um dos mais complexos julgamentos da história paranaense, envolvendo 13 PMs. Todos os réus foram ouvidos durante o final de semana: cinco deles no sábado (7) e sete neste domingo (8). O último depoimento no Tribunal do Júri de Curitiba foi o do tenente Otávio Lúcio Roncaglio, que comandava a operação na época e que é negociador do Bope há cinco anos.

Como todas as partes foram ouvidas desde a última quarta-feira, agora inicia a fase dos debates entre defesa e acusação. Segundo o advogado de defesa dos policiais, Cláudio Dalledone, o julgamento é bastante

Os debates vão acontecer durante todo o dia e vão seguir da seguinte maneira: três horas são separadas para a fala da defesa e em seguida mais três horas para a acusação. Após isso acontece a réplica, com uma hora e meia para defesa e uma hora e meia para acusação. Por fim, cada uma das partes terá mais uma hora e meia para a tréplica.

Ao final dos debates, os jurados se reúnem para tomar uma decisão, ou seja, a sentença ou absolvição dos policiais militares deve sair ainda nesta segunda.

O Ministério Público, que apresentou as acusações contra os PMs, não se pronuncia antes do final do julgamento.

Deixe uma resposta