Paraná Extra

Justiça mantém julgamento pelo júri popular para ex-deputado Carli Filho

A Primeira Câmara do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJ-PR) manteve a decisão de julgamento pelo tribunal do júri (júri popular) a respeito do caso envolvendo o ex-deputado estadual Fernando Ribas Carli Filho. Em maio de 2009, ele se envolveu em um acidente que resultou em duas mortes.

De acordo com o advogado Elias Mattar Assad, que figura no processo como assistente da acusação, a defesa ainda tem a possibilidade de ingressar com um recurso especial no Superior Tribunal de Justiça e um recurso extraordinário no Supremo Tribunal Federal. No entanto, eles precisam passar pelo filtro do vice-presidente do TJ, que julgará suas procedências.

Assad se mostra otimista com relação ao caso e prevê que o julgamento pelo júri poderá ocorrer já no primeiro semestre de 2012. “Quanto a eventuais recursos defensivos, não se observa no caso qualquer violação de leis federais ou da Constituição, contrariamente, todos os direitos do acusado foram respeitados. O STJ e STF já têm entendimentos firmes a respeito da matéria e este caso é exemplo clássico de dolo eventual”, afirma.

Da Rádio Banda B

Deixe uma resposta