Paraná Extra

Ladrões roubaram mil carros a menos em Curitiba neste ano

O número de carros roubados em Curitiba caiu em comparação ao ano passado. Em 2010, a cada 150 veículos um foi roubado, já em 2011, até a data de hoje (9), a cada 180 um foi levado. Os ladrões levaram mil carros a menos no cruzamento de dados entre os anos.

 

 

O balanço divulgado pelo delegado Marco Antônio de Goés, titular da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba, apontou que no ano passado numa frota de 1,192 milhões de carros 7932 foram levados, neste ano a frota aumentou para 1,25 milhões e o número de roubos caiu para 6936.

 

O delegado também destacou que em 2009, quando a frota era menor que nos dois anos posteriores, foram 7617 roubos. “Isso mostra que o trabalho de nossos investigadores ao lado da Polícia Militar do Paraná tem tido bons resultados. O número pode ser menor, vamos trabalhar para isso”, destacou o delegado.

 

Prisões

 

O balanço também apontou um aumento no número de suspeitos relacionados a roubos de carros presos. Em 2011 foram 311 flagrantes que resultaram em 447 prisões de pessoas envolvidas. Em 2010 foram 262 flagrantes e 398 detenções.

 

“O que ainda nos atrapalha é o fato da nova lei, em que ficou determinada fiança para casos de furto e receptação. As pessoas vem para cá em flagrante, mas terminam em liberdade”, alegou o delegado.

 

Comparação com São Paulo

 

A média de carros roubados na frota de Curitiba é de 0,6% do total, na cidade de São Paulo, por exemplo, o número é de 1,7% do total. “Como a taxa de recuperação de veículos em nossa capital é de 50%, o risco de uma pessoa ter seu carro roubado é de apenas 0,3%”, explicou o delegado.

 

Questionado se o destino dos carros roubados e furtados ainda é o município de Foz do Iguaçu, Marco de Goés confirmou esta versão. “Principalmente os carros de luxo vão para lá, além deles outros veículos são usados no transporte de mercadorias”, destacou.

 

O delegado também contou um caso preocupante. “Roubaram uma Hilux na segunda e na terça ela já estava rodando em Curitiba com todos os documentos modificados. A clonagem é outro possível destino”, concluiu.

 

Quem tiver seu carro roubado ou furtado pode entrar em contato com a Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos para tentar revê-lo. Segundo a polícia, quanto antes for feito o Boletim de Ocorrência, maior a possibilidade de um final feliz.

 

Serviço:

Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos: Rua Tamoios, 1250 Vila Isabel . Telefone: 33146400

(Portal Banda B)

Deixe uma resposta