Paraná Extra

Mercado reduz projeAi??A?o do crescimento da economia para 2,76%

O mercado financeiro reduziu a projeAi??A?o para o crescimento da economia este ano. De acordo com a pesquisa do Banco Central (BC) junto a instituiAi??Ai??es financeiras, a estimativa para a expansA?o do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviAi??os produzidos no paAi??s – caiu pela terceira semana consecutiva.

Desta vez, a projeAi??A?o passou de 2,80% para 2,76%. HA? quatro semanas, a estimativa estava em 2,83%. Para 2019, a expectativa permanece em 3% hA? 11 semanas seguidas. Os dados constam do Boletim Focus, divulgado semanalmente pelo Banco Central Ai??s segundas-feiras.

O mercado financeiro tambAi??m tem alterado a projeAi??A?o para a inflaAi??A?o este ano. A estimativa para o A?ndice Nacional de PreAi??os ao Consumidor Amplo (IPCA ai??i?? a inflaAi??A?o oficial do paAi??s) passou de 3,53% para 3,48% na dAi??cima primeira reduAi??A?o consecutiva.

Estimativa da inflaAi??A?o Ai?? ajustada para 4,07%

A projeAi??A?o segue abaixo do centro da meta de 4,5%, mas acima do limite inferior de 3%. Para 2019, a estimativa para a inflaAi??A?o foi ajustada de 4,09% para 4,07%, abaixo do centro da meta (4,25%).

Para alcanAi??ar a meta, o BC usa como principal instrumento a taxa bA?sica de juros, a Selic, atualmente em 6,5% ao ano. Quando o Copom aumenta a Selic, a meta Ai?? conter a demanda aquecida, e isso gera reflexos nos preAi??os porque os juros mais altos encarecem o crAi??dito e estimulam a poupanAi??a.

Quando o Copom diminui os juros bA?sicos, a tendA?ncia Ai?? que o crAi??dito fique mais barato, com incentivo Ai?? produAi??A?o e ao consumo, reduzindo o controle sobre a inflaAi??A?o. De acordo com a previsA?o do mercado financeiro, a Selic encerrarA? 2018 em 6,25% ao ano e subirA? ao longo de 2019, encerrando o perAi??odo em 8% ao ano.

(AgA?ncia Brasil)

Deixe uma resposta