Paraná Extra

Mesmo em situação de emergência, Antonina mantém programação de Carnaval

Em função da morte de três macacos devido à febre amarela, em Antonina, e com a confirmação do primeiro caso da doença, na última semana, em um morador da cidade, que contraiu o tipo leve do vírus, o prefeito José Paulo Vieira Azim (PSB) decretou Situação de Emergência em Saúde.

Na prática haverá intensificação, em caráter de urgência epidemiológica, da vacinação contra a doença nas Unidades de Saúde da Família. O Postos de Saúde estão funcionando das 8h às 17h e a vacinação foi estendida para adultos acima de 59 anos.

De acordo com o Secretário de Saúde, Odileno Garcia Toledo, 95% da população de Antonina foi imunizada, mas a medida foi necessária para ampliar o índice de vacinação e a conscientização da comunidade.
A orientação é para que os visitantes de Antonina também busquem se vacinar antes de se deslocarem para a cidade. O secretário de saúde conta que, apesar, da recente Situação de Emergência em Saúde, o tradicional Carnaval de Antonina segue com sua programação normal, que este ano terá cinco dias de folia.

Deixe uma resposta