Paraná Extra

Motorista de esposa de Greca morreu de Covid-19

Um funcionário da primeira-dama de Curitiba, Margarita Sansone, morreu por conta da covid-19 no último dia 30 de setembro. Mauro Ricardo Fressato, de 41 anos, prestava serviço como motorista terceirizado para a primeira-dama desde 2017, e testou positivo para o novo coronavírus no dia 18 de setembro, um dia depois de Margarita, de 65 anos, e o marido, o prefeito e candidato à reeleição Rafael Greca (DEM), de 64, serem diagnosticados para o vírus.

O casal começou a apresentar os primeiros sintomas da doença dias depois de uma visita do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) a cidade, em 12 de setembro. Dias depois da viagem, Maia também divulgou o diagnóstico.

(UOL)

Deixe uma resposta