Paraná Extra

Motoristas de aplicativos fazem protesto por mais seguranAi??a

Dezenas de motoristas de aplicativos como Uber e Cabify fizeram manifestaAi??A?o nesta manhA? (14), defronteAi??ao PalA?cio das AraucA?rias, exigindo mais seguranAi??a, depois da morte de mais um motorista da Uber, Valmir Nichel, de 59 anos, que foi encontrado morto no Rio IguaAi??u, na divisa entre SA?o JosAi?? dos Pinhais e Curitiba, domingo (13). Nichel estava desaparecido desde a noite de sA?bado (12), quando a famAi??lia avisou a polAi??cia.

Arnaldo Milke, que representa os motoristas de aplicativo, explicou a intenAi??A?o com a manifestaAi??A?o. ai???Queremos cobrar a seguranAi??a pA?blica, porque jA? tivemos seis mortes de motoristas de aplicativos no ParanA?. Queremos uma comissA?o com as plataformas e o Governo do ParanA? para discutirmos isso. Hoje de manhA?, por exemplo, uma mulher acionou o botA?o de pA?nico e fomos atrA?s dela, mas por sorte era alarme falso. NA?s tivemos que criar um sistema de seguranAi??a, porque a plataforma nA?o faz issoai???, afirmou Mike.

Segundo Mike, sA?o 21 mil motoristas no estado, sendo 17 mil em Curitiba e regiA?o. ai???Queremos a criaAi??A?o de uma comissA?o na Assembleia Legislativa do ParanA?, para que as empresas sejam chamadas e nos garantam mais seguranAi??aai???, afirmou.

No final da manhA?, o veAi??culo de Nichel, um Livina, havia sido encontrado completamente queimado na Rua ExpedicionA?rio Francisco Pereira dos Santos, no bairro Alto BoqueirA?o, em Curitiba. Ele havia saAi??do para trabalhar no sA?bado e atAi?? a noite nA?o tinha retornado. A polAi??cia ainda nA?o sabe a causa da morte, o que sA? exames no Instituto MAi??dico Legal poderA?o esclarecer.

 

O delegado Vilson Alves Toledo, da DivisA?o de HomicAi??dios e ProteAi??A?o Ai?? Pessoa (DHPP), apontou que a principal hipA?tese Ai?? de um latrocAi??nio, roubo seguido de morte.

Deixe uma resposta