Paraná Extra

MP vai à justiça contra realização de concurso para professor

O Ministério Público pede na Justiça a suspensão do processo seletivo simplificado (PSS) para contratação de professores da rede estadual de ensino e da consulta para escolha dos diretores de escolas do Paraná.

A Promotoria defende que os dois processos devem ocorrer somente quando existirem indicativos seguros de que a pandemia esteja mais próxima do controle, a partir da deliberação das autoridades sanitárias. Antes de entrar na Justiça, o Ministério Público tinha expedido uma recomendação administrativa, na semana passada, mas ela não foi acolhida. Na avaliação da Promotoria, os processos “certamente vão contribuir para que milhares de paranaenses deixem de lado o distanciamento social”. Além de pedir a suspensão do PSS e da consulta para escolha dos diretores de escolas, o Ministério Público quer que a Justiça assegure o respeito às orientações das autoridades sanitárias.

Em nota, a Secretaria de Estado da Educação disse que, até às seis da tarde desta segunda-feira (07), ainda não tinha sido notificada. Quando isso acontecer, a Secretaria prometeu que vai “responder os devidos apontamentos à Justiça”.

(Bandnews)

Deixe uma resposta