Paraná Extra

Neste domingo tem a marcha dos foliões mortos-vivos

Zombie Walk, a já tradicional marcha de zumbis de Curitiba, acontece neste domingo (23), em sua 11ª edição.

A Zombie Walk hoje integra o calendário oficial de eventos da Prefeitura de Curitiba, e só no ano passado, cerca de 30 mil pessoas participaram da festividade.
Tradicionalmente, a marcha começa na praça Osório, apelidada de Boca Maldita, e segue pelo calçadão até a Universidade Federal do Paraná, na rua XV de Novembro, na área central de Curitiba. São cinco quilômetros de percurso no total. Depois de caminhar, ou melhor, “performar” pelas ruas curitibanas, o público pode aproveitar shows de bandas autorais.

Na programação estão Expresso 42, Médicos de Cuba, The Secret Society e Relespública. Haverá ainda uma apresentação icônica de dança de “Thriller”, do Michael Jackson, pelos alunos da escola Disco Dance Company e outra de passinho dos anos 80. Tudo, claro, com pessoas caracterizadas como zumbis. Uma praça de alimentação com dez barracas de chopes artesanais e comidinhas também espera os esfomeados mortos-vivos.

O Hells Angels Motoclube – o mais antigo e maior clube de motos do mundo – acompanha toda marcha. Um time de futebol americano, o Guardian Saints, também é parceiro do projeto.

A primeira marcha

Terra de origem da Zombie Walk, Toronto abriga o evento (torontozombiewalk.ca) desde 2003, quando apenas seis pessoas saíram caracterizadas pelas ruas. Seguindo a iniciativa, cidades como Nova York e São Paulo também começaram a organizar seus próprios desfiles de mortos-vivos. Na capital paulista, a edição 2020 (zombiewalksp.com) está marcada para o dia 2/11.

 

Deixe uma resposta