Paraná Extra

Neste sábado tem vacina contra dengue em 30 municipios

Neste sábado (21), é dia de vacinação contra a dengue em 30 municípios do Paraná. Durante todo o dia, mais de 200 unidades de saúde estarão abertas para facilitar o acesso da população à vacina. Além dos postos e saúde, equipes volantes vão a shoppings, supermercados, praças e outros pontos de grande circulação de pessoas.

“Estamos na terceira etapa deste importante passo que o Governo do Paraná deu para a saúde da população paranaense. Mais uma vez nosso apelo é para que as pessoas que fazem parte do público-alvo da campanha busquem um ponto de vacinação e aproveitem esse benefício”, ressalta o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto.

Até quinta-feira (19), 111.211 pessoas tinham sido vacinadas nesta terceira etapa, que começou dia 20 de setembro. O número corresponde a 37% do total. O objetivo é vacinar quase 300 mil pessoas que já tomaram a primeira ou a segunda dose. A campanha vai até o dia 27 de outubro e é voltada a pessoas de 9 a 44 anos em Paranaguá e Assaí e de 15 a 27 anos nos demais 28 outros municípios.

“Essa é mais uma estratégia adotada de maneira pioneira pelo Paraná para enfrentar a dengue. O que precisamos agora é da adesão da população para que a gente não precise enfrentar mais uma epidemia da doença e, principalmente, os óbitos que a ela pode ocasionar”, alerta a superintendente de Vigilância em Saúde, Júlia Cordellini.

COBERTURA – Os municípios de Paranaguá, Londrina e Maringá concentram a maior parte do público-alvo da campanha. Em Paranaguá foram vacinadas 24 mil pessoas (38% do público-alvo), Londrina foram 19 mil pessoas (30%) e Maringá 24 mil pessoas (45%).

As melhores coberturas estão nas cidades de Cruzeiro do Sul, que vacinou 87% até o momento, e Santa Isabel do Ivaí, com 80%. Os menores índices são de Sarandi (20%), Mandaguari (23%) e Foz do Iguaçu (24%).

COMPLETAR – A superintendente Júlia Cordellini explica que quem tomou a primeira ou a segunda dose nas outras etapas da campanha está sendo lembrado sobre a necessidade de completar o esquema vacinal. “Adotamos diversas estratégias como mensagens de texto, ligações, e-mails para lembrar a população sobre a nova dose. Em alguns municípios como Paranaguá, equipes estão indo de casa em casa para vacinar”, diz.

CUIDADOS – Independente da vacinação, os cuidados básicos com a dengue não devem ser deixados de lado. A chefe da Divisão de Vigilância Ambiental, Ivana Belmonte, orienta que as pessoas eliminem focos de água parada, que podem servir como criadouros para o Aedes aegypti.

“A recomendação se mantém. As pessoas devem reservar um momento semanal para verificar suas casas e locais de trabalho e fazer a remoção de qualquer possível criadouro do mosquito”, fala Ivana. Desde de agosto deste ano até o dia 10 de outubro foram 71 casos de dengue em todo o Estado.

 

Confira os municípios que fazem parte da campanha:

Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel do Iguaçu, Boa Vista da Aparecida, Tapira, Cruzeiro do Sul, Santa Isabel do Ivaí, Iguaraçu, Mandaguari, Marialva, Maringá, Munhoz de Mello, Paiçandu, Santa Fé, São Jorge do Ivaí, Sarandi, Bela Vista do Paraíso, Cambé, Ibiporã, Jataizinho, Londrina, Porecatu, Sertanópolis, Itambaracá, Leópolis, São Sebastião da Amoreira, Cambará e Maripá, dirigida à população de 15 a 27 anos. Em Paranaguá e Assai, o público a ser vacinado é de 9 a 44 anos.

Deixe uma resposta