Paraná Extra

No próximo 15 tem Corso Carnavalesco em Curitiba

Quem tem carros antigos e gosta de Carnaval pode participar do 3º Corso Carnavalesco que o Clube Elas promoverá no dia 15 de fevereiro (sábado), a partir das 15h30, saindo da Praça Espanha, no Batel. Este ano a iniciativa tem o apoio da Prefeitura de Curitiba, que vai decorar o local da concentração com dois portais, instalar banheiros químicos e animar a festa com a Banda Lyra Curitibana.

O corso é um desfile de carros com pelo menos 30 anos de fabricação, ornamentados e com seus ocupantes fantasiados. “Podem participar adultos, crianças e até bichos de estimação, desde que fantasiados e acomodados de acordo com as normas de trânsito”, observa a presidente do clube, Glenys Bessler, referindo-se à tradição que nasceu e se consolidou no início do século passado.

A concentração está marcada para as 15h, quando os veículos dos participantes serão identificados por selos. Só poderão integrar o corso carros com esta identificação. No retorno à praça, haverá premiação do carro melhor ornamentado e também a melhor fantasia.

Trajeto
Tendo como referência os carnavais de quase 100 anos atrás, os participantes percorrerão o trajeto cantando antigas marchinhas carnavalescas e, das janelas dos veículos, lançando confete e serpentina. Um carro de som estará à frente o corso, que deve demorar 28 minutos para percorrer 6,9 quilômetros.

A Rua Coronel Dulcídio, na Praça da Espanha, será local da concentração e onde os veículos dos participantes serão identificados. De lá, o corso seguirá pelas ruas Saldanha Marinho, Presidente Taunay e Vicente Machado, até a Praça Osório. O desfile continuará pela Alameda Cabral, Ruas Cruz Machado e Ébano Pereira e Avenida Luiz Xavier, na Boca Maldita.

De lá começará o retorno pelas Ruas Carlos de Carvalho, Desembargador Motta, Rua Benjamin Lins, Avenida Batel e Ruas Costa Carvalho e Vicente Machado até a Coronel Dulcídio, novamente na Praça da Espanha.

Mais participantes
Segundo Glenys, a expectativa é de que cerca de 80 veículos – entre conversíveis e não conversíveis – se integrem ao corso. Em 2019 desfilaram 60 carros, enquanto no primeiro ano da iniciativa participaram 12 veículos. “Que venham as famílias, pessoas interessadas em um Carnaval saudável e longe das bebidas alcoólicas, que não serão admitidas no corso”, arrematou.

O corso só não acontecerá se chover. Considerando a possibilidade, a Fundação Cultural de Curitiba e a entidade promotora transferirão o corso do sábado para o domingo, no mesmo horário e local.

Os interessados podem acompanhar os preparativos para o Corso Carnavalesco 2020 pelo link

https://www.facebook.com/events/885840498498240/permalink/885903468491943/

Deixe uma resposta