Paraná Extra

Paranaense pode ser indicada por Moro para comandar a PF

A apucaranense Érika Mialik Marena, 43 anos, deve ser a escolhida do futuro ministro da Justiça, Sergio Moro, para comandar a Polícia Federal a partir do ano que vem. O nome dela, vem sendo sugerido por delegados da PF e muito comentado em Brasília.

A delegada, que atualmente é superintendente da PF em Sergipe, foi a mais votada na lista tríplice preparada pela associação de delegados.

Érika atuou como uma das principais investigadoras da Lava Jato e foi responsável por dar o nome à famosa operação. Ela já tinha sido cotada para chefiar a PF em 2016, quando recebeu também a maioria dos votos da lista tríplice da categoria.

A apucaranense pode ser a primeira mulher a comandar a corporação. Ela é de classe especial como manda a regra da escolha (mais de 10 anos de carreira), trabalhou em investigações e operações de campo e especializou-se em investigação contra o crime organizado.

(Tarobá News)

Deixe uma resposta