Paraná Extra

PF faz operação contra fraude eleitoral em Pinhais

Quatro mandados de busca e apreensão foram cumpridos pela Polícia Federal (PF), nesta manhã (14), em uma operação contra fraude eleitoral envolvendo a vereadora de Maria Janeide de Souza Piacentini, conhecida como Jane Carteira.

Jane é vereadora em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, e candidata à reeleição pelo Partido Republicano da Ordem Social (Pros). Os mandados foram cumpridos na casa da vereadora, no gabinete dela, na Câmara Municipal de Pinhais, e na casa de dois assessores.

De acordo com as investigações, pelo menos 75 transferências de domicílio eleitoral foram feitas com comprovantes de endereço falsos, e os pedidos estavam vinculados aos assessores da vereadora.

Em nota, a câmara disse que o caso é isolado e que desconhece o uso da estrutura da Casa para cometimento de qualquer tipo de fraude eleitoral.

Pela lei eleitoral, a transferência é realizada quando o eleitor muda seu domicílio eleitoral para outra cidade. Esse serviço implica emissão de um novo título, mas o número de inscrição eleitoral permanece o mesmo. A transferência só pode ser solicitada pelo próprio eleitor.

Com o esquema, a vereadora pretendia angariar mais eleitores para o município, segundo a PF.

Além das transferências irregulares, a PF também identificou indícios de que as multas eleitorais dos títulos com situação eleitoral irregular foram pagas pelos investigados.

“Há evidências de que a estrutura da Câmara Municipal de Vereadores foi utilizada para cometimento do crime”, afirmou a PF.

(Com G1)

Deixe uma resposta