Paraná Extra

Porto Rico tem praias de água cristalina, esportes náuticos e pesca

Localizado no Noroeste do Paraná, a cerca de 173 quilômetros de Maringá, o município de Porto Rico vem se tornando um destino cada vez mais procurado para férias e lazer nos fins de semana. O município de pouco mais de 3 mil habitantes é banhado pelo Rio Paraná, o que propicia aproveitar praias de água doce, a prática de esportes aquáticos, passeios de barco e lancha, além da pesca.

“Visitei Porto Rico recentemente e o lugar oferece cenários paradisíacos, com águas cristalinas e muita aventura”, diz o secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes. “É uma ótima opção para quem quer se banhar e fugir do calor, mais uma excelente possibilidade de se divertir, além do nosso Litoral”.

Bem diante da área urbana, a praia de Porto Rico, numa ilha do Rio Paraná, tem areia bem clara, água doce cristalina e na maior parte do ano com temperatura agradável. A cidade também se destaca como uma das mais quentes do Estado, com temperatura média de 35ºC.

No verão, Porto Rico atrai milhares de turistas. A prainha, como é conhecida, acolhe vistantes de várias regiões do Paraná e também de outros estados. De acordo com a prefeitura, a população da cidade chega a 14 mil pessoas na temporada, movimentando hotéis, pousadas, restaurantes e serviços turísticos.

PASSEIOS AQUÁTICOS – Porto Rico oferece também ótimas opções de aventuras aquáticas e passeios por locais inusitados. Entre eles, o encontro das águas dos rios Paraná e Curitiba – este já no Mato Grosso do Sul. Diversas empresas ofertam outros passeios, com roteiros pelos rios Paraná, Paranapanema, Bahia e Ivinhema, além da eclusa de Rosana. Passeios de jet-ski são outra opção que agrada os visitantes.

O local é famoso também como polo de pesca amadora. Por conta disso, hoje Porto Rico tem a segunda maior frota de barcos de passeio do Estado e sete marinas.

MERGULHO – Para quem gosta de aventura embaixo d’água, o município tem locais para mergulho com cilindro onde podem ser contempladas pelo menos 30 espécies de peixes. A melhor época para a prática no Rio Paraná é entre maio e outubro, quando chove pouco na região e aumenta muito a visibilidade.

É possível contratar operadoras de mergulho para apreciar as belezas submersas, e até mesmo aprender técnicas para quem nunca mergulhou antes – é o chamado batismo de mergulho, que pode chegar a 20 metros de profundidade, para quem já tem experiência, e acontece em uma encosta de pedras.

Também encanta os visitantes o contato com o maior peixe da região, o jaú. Ele tem o corpo revestido de couro, em vez de escamas, e pode chegar a quase dois metros de comprimento, passando dos 100 quilos. O peixe é tão dócil que permite que os mergulhadores cheguem bem perto – um encontro registrado com orgulho por quem tem essa oportunidade.

Em Porto São José, distrito de São Pedro do Paraná, o destaque é a Festa do Padroeiro, com missa no cenário à beira-rio, além de concursos de pesca, como o que acontece no começo de maio para comemorar a Festa do Jaú.

Conheça outras praias da região

Praia de Santa Rosa – É uma das mais movimentadas da cidade, com águas cristalinas e de temperatura agradável.

Praia do Carioca – Para quem quer fugir da agitação, tem um ambiente mais reservado e cenário de um verde exuberante por conta suas matas preservadas.

Praia Cabeça da Ilha Mutum – É possível contemplar a área entre o leito do Rio Paraná e a divisa dos estados do Paraná e Mato Grosso do Sul. Em períodos mais secos, conhecidos como rio baixo, forma-se uma piscina natural, com água morna e límpida.

Praia do Toco – Localizada na Ilha Marilena, se forma quando o Rio Paraná está baixo, geralmente na temporada de verão.

Praia do Porto São José – Conhecida como a praia mais urbana de Porto Rico, possibilita aproveitar os serviços do município, além de atrativos naturais.

Deixe uma resposta