Paraná Extra

Prefeitura interditou 14 locais de comércio no fim de semana

Equipes da Prefeitura participaram de três Ações Integradas de Fiscalização Urbana (Aifu), neste fim de semana, em parceria com o Governo do Estado. Da noite da sexta-feira (24) até o domingo (26), foram vistoriados 39 locais de comércio em 18 bairros da cidade.

Nos três dias foram encontradas 16 locais com irregularidades, ou seja, 41% dos estabelecimentos vistoriados descumpriram as medidas necessárias para diminuir o contágio pela covid-19. Todas as fiscalizações foram motivadas por denúncias apresentadas pela população.

Foram interditados 14 locais de comércio que funcionavam em desacordo com o Decreto nº 940/2020, sendo que seis deles foram notificados também por apresentarem inadequações nos alvarás. Outros dois locais foram notificados de forma orientativa por não atenderem a resolução municipal 01/2020, que estabelece medidas sanitárias de segurança para os estabelecimentos em atividade.

Bingo e lanchonete
Entre os locais interditados estão bares, distribuidora de bebida, lanchonete, restaurante, bilhar, bingo e loja de departamento.

Também foram feitas incursões em supermercados, salões de beleza, academias, quadras esportivas, casa de massagens, clube social, entre outros, porém, todos sem atividade no momento da fiscalização, cumprindo as determinações do decreto em vigor.

As equipes, formadas por fiscais da Secretaria Municipal do Urbanismo, Guarda Municipal, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, percorreram os bairros Ahú, Água Verde, Alto Boqueirão, Alto da XV, Boa Vista, Boqueirão, Bom Retiro, Cajuru, Centro, Guaíra, Portão, Seminário, Santa Quitéria, São Francisco, São Braz, Seminário, Tatuquara e Xaxim.

O secretário municipal do Urbanismo, Julio Mazza, ressalta a responsabilidade que cabe a cada cidadão neste momento.

“Precisamos equilibrar o funcionamento da cidade com a saúde da população e para que isso aconteça é preciso que cada um cumpra o seu papel”, diz Mazza.
A orientação é para que a população observe com atenção a lista dos estabelecimentos, dias e horários em que podem funcionar e evitar a exposição em espaços que possam gerar aglomeração.

Os demais, com restrição, devem ser evitados até que haja segurança para ampliar a circulação das pessoas.

Restrições de dias e horários
O Decreto nº 940, em vigor desde 21/7, atualizou o funcionamento do comércio e outras atividades na capital, criando restrições de horários para funcionamento de alguns ramos e atividades com maior potencial de contaminação da covid-19.

O documento estabelece que devem seguir suspensos o funcionamento de algumas atividades todos os dias, como é o caso de bares e casas noturnas.

Nos fins de semana, atividades não essenciais ficam proibidas de funcionar e aos domingos, mesmo sendo considerados serviços essenciais, ficam impedidos de funcionar os supermercados, lojas de material de construção, concessionárias, quitandas, distribuidoras de bebidas, restaurantes e lanchonetes, entre outras atividades. Em alguns desses casos é permitido apenas delivery e drive-thru.

Deixe uma resposta