Paraná Extra

Prefeitura oferece 40 mil doses de vacina contra gripe ainda em estoque

Com mais de 40 mil doses em estoque a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) convoca quem ainda não se imunizou contra a gripe para buscar uma das dez unidades de saúde exclusivas para a vacinação. Desde o dia 26 de junho a vacina está liberada para toda a população de Curitiba. Nessas dez unidades não há outros atendimentos.

A superintendente de gestão da Saúde da secretaria, Flávia Quadros, explica que a iniciativa de unidades de saúde exclusivas para vacinação é para garantir maior segurança para a população e para manter a vacinação em dia.

Iniciada em 23 de março, a campanha nacional terminou em 30 de junho, mas as doses remanescentes seguem a disposição da população, não apenas para aqueles que fazem parte do grupo de maior risco.

A vacina contra a gripe não imuniza contra o novo coronavírus, porém, auxilia na exclusão do diagnóstico para a covid-19, já que os sintomas são parecidos.
“Estar vacinado também ajuda a reduzir a sobrecarga nos serviços de saúde, já demandados por conta da epidemia do novo coronavírus”, explica a infectologista da SMS, Marion Burger.

Meta Nacional
A meta nacional é imunizar 90% de cada público-alvo. Em Curitiba a cobertura entre os idosos e trabalhadores da saúde já alcançou 100%, mas há outros grupos que ainda não atingiram a meta. Entre as crianças (de 6 meses a 5 anos completos) a cobertura é de 45%; entre as gestantes 39%; puérperas 84%; doentes crônicos 50%; e professores 64%.

Quem faz parte dos públicos prioritários e ainda não tomou a vacina contra a gripe, também poderá se vacinar, até o fim do estoque. São eles: profissionais de saúde, idosos, crianças de 6 meses a 5 anos completos, gestantes, puérperas (mães que tiveram filhos até 45 dias), doentes crônicos, imunussuprimidos, transplantados e pessoas com deficiência, adultos entre 55 e 59 anos, professores, motoristas, cobradores, caminhoneiros e profissionais das forças de segurança.

Até o momento foram realizadas 569.372 doses da vacina contra a gripe na capital paranaense, pela rede pública e rede privada.

Outras vacinas
Além da vacina contra a influenza as dez unidades de saúde também ofertam todas as vacinas de rotina do calendário nacional.

Deixe uma resposta