Paraná Extra

Preso maníaco sexual que mantinha namorada em cárcere privado com torturas

Um maníaco foi preso por policiais da Delegacia de Furtos e Roubos de Curitiba (DFR) acusado de manter sua ex-namorada em cárcere privado, dentro de um quarto em sua residência. Márcio Roberto Gomes da Silva obrigava a moça a manter relações sexuais e ainda aplicava choques elétricos, tudo isso com ela dopada. O psicopata foi preso nesta quinta-feira (15), quando a polícia foi até sua casa verificar um Boletim de Ocorrência de furto

 

O delegado Rodrigo Brown de Oliveira, titular da DFR, descreveu Márcio como um monstro. “Fomos verificar a casa e na hora de ir embora vimos uma mulher na janela acenando. Fomos ver o que ela queria e descobrimos os atos deste maníaco. Ela estava sendo torturada já há cinco dias. É uma situação que nos revolta, vindo de uma pessoa que pode ser denominada como o pior dos covardes”, esbravejou.

 

Segundo o delegado, Márcio usava tranquilizantes para evitar que a vítima gritasse. “Ela apenas comia e mantinha relações forçadas com ele. Também encontramos na casa armas, máquinas de choque e remédios proibidos. Este rapaz realmente é alguém perigoso”, alertou.

 

Brown de Oliveira finalizou afirmando que abusar de mulheres pode ser uma situação recorrente na vida de Márcio. “Por enquanto, comprovado apenas este caso. Mas já existe a suspeita que ele tenha feito isto contra a ex-esposa e a filha dela. Vamos investigar e tirar este maníaco de circulação por um bom tempo”, concluiu.

 

Márcio está detido na carceragem da DFR e irá responder pelos crimes que é acusado.

(Portal Banda B)

Deixe uma resposta