Paraná Extra

Presos são suspeitos de outros roubos a bancos no PR

Os seis homens presos na tarde desta terça-feira (9) suspeitos de participarem de um roubo a uma agência bancária de Quatro Barras, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC) são investigados, também, por terem participado de pelo menos outros três assaltos a banco, informou a Polícia Civil do Paraná nesta quarta-feira (10).De acordo com a polícia, o grupo é suspeito de ter realizado dois assaltos a agências de Quatro Barras, um roubo em Araucária e outro na Lapa, todos na região de Curitiba, entre abril e julho.
Em uma das ações, um dos suspeitos se disfarçou de policial militar para tentar roubar a agência, mas desistiu do assalto ao encontrar um PM de verdade na entrada do banco.
“Temos fortes suspeitas desta quadrilha ter sido responsável por várias ações desde o começo do ano”, afirmou o delegado do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), Rodrigo Brown.
A Polícia Federal, responsável pela inquérito de um assalto a uma agência de Matinhos, no litoral do Paraná, investiga se os suspeitos tiveram algum envolvimento com este crime.
Na segunda-feira (8), um homem foi preso suspeito de ter participado do assalto em Matinhos e de um dos roubos de Quatro Barras.
Os seis suspeitos foram presos em Curitiba e em Barra do Turvo, em São Paulo, na divisa com o Paraná, na tarde de terça-feira.
Todos eles tinham mandados de prisão em aberto. Alguns dos presos tinham condenações por homicídios e outros roubos.
Na ação, foram apreendidos seis fuzis, três pistolas, carregadores, munições, sacolas de pregos retorcidos, oito coletes balísticos, uma máquina de contar dinheiro, aparelhos celulares, drogas, documentos falsos e placas de veículos.
A polícia encontrou também os uniformes da Polícia Militar, que foram usadas em uma das ações, e notas de dinheiro queimadas.

(G1)

Deixe uma resposta