Paraná Extra

Procon orienta sobre compra de presentes para o Dia dos Namorados

O Procon-PR dA? dicas para evitar problemas com a compra de presentes e a contrataA�A?o de serviA�os em funA�A?o do Dia do Namorados. Valem as orientaA�A�es bA?sicas a�� fazer pesquisa de preA�os e das condiA�A�es de pagamento, verificar a veracidade das promoA�A�es, conferir a qualidade dos produtos e as condiA�A�es de garantia ofertadas.

De acordo com a diretora do Procon-PR, ClA?udia Silvano, nesta data, a procura por restaurantes, casas noturnas e bares para comemorar A� grande. A recomendaA�A?o A� fazer reserva com antecedA?ncia, lembrando que os 10% cobrados pelo garA�om sA?o de responsabilidade do empregador e nA?o do consumidor.

As flores estA?o entre as lembranA�as preferidas e, nessa A�poca, devido ao aumento na procura, os preA�os sobrem. A orientaA�A?o A� que o consumidor, ao escolher entre as variedades de flores e arranjos, pesquise os preA�os em vA?rios estabelecimentos. AlA�m disso, A� preciso saber se a floricultura cobra pela entrega e de quanto serA? essa taxa.

Se a opA�A?o do presente for por aparelhos celulares, A� preciso analisar as diferenA�as entre os prA� e pA?s-pago e os planos das operadoras. A� indispensA?vel guardar todo o material publicitA?rio – principalmente no caso dos aparelhos eletroeletrA?nicos a�� para facilitar a resoluA�A?o de problemas, caso ocorram.

ClA?udia explica que no caso de compras pela Internet, o consumidor deve observar se hA?, na pagina principal, o CPF do vendedor ou CNPJ, no caso de pessoa jurA�dica, o endereA�o fA�sico e eletrA?nico e o telefone para contato.

a�?Nesta modalidade de compra, que acontece fora do estabelecimento comercial, o consumidor pode exercer o direito de arrependimento no prazo de sete contados do recebimento do produtoa�?, destaca a diretora.

A compra de perfumes e cosmA�ticos exige maior atenA�A?o. A� importante verificar a data de validade, os componentes do produto, o CNPJ da empresa fabricante ou importadora e, ainda, o registro junto ao MinistA�rio da SaA?de. O consumidor deve ficar atento A�s condiA�A�es de uso e de armazenamento. Produtos importados devem trazer as informaA�A�es em portuguA?s.

Roupas e calA�ados sA?o presentes tambA�m muito procurados. A� necessA?rio se informar na loja se o produto pode ser trocado e, se isso for possA�vel, as condiA�A�es para a troca devem constar na nota fiscal. a�?Tamanho, cor e modelo nA?o sA?o considerados defeitos e a troca A� uma liberalidade da empresaa�?, alerta ClA?udia.

Ela salienta que os fornecedores podem cobrar preA�os diferentes para compras feitas em dinheiro, cartA?o de dA�bito ou crA�dito. Se houver parcelamento da compra, o consumidor precisa ser informado sobre os juros cobrados, o total A� vista e a prazo e o nA?mero de parcelas.

A diretora do Procon-PR explica que em toda relaA�A?o de consumo A� imprescindA�vel que o consumidor exija a nota fiscal, que A� o comprovante vA?lido da compra, da garantia e necessA?rio para eventuais reclamaA�A�es.

Deixe uma resposta