Paraná Extra

Professores estaduais passam o dia em protestos

Contrários ao Processo Seletivo Simplificado (PSS) da educação e a criação de novos colégios cívico-militares, professores e demais funcionários da Rede Estadual protestam nesta terça-feira (17) em Curitiba. Conforme a entidade que representa a categoria, o ato começou por volta das 6 horas da manhã no Parque Barigui e seguiu com uma caminhada até o Centro Cívico, onde se concentrou defronte ao Palácio Iguaçu.

Segundo os organizadores, uma reunião com representantes do governo estava prevista. Além do PSS e dos colégios cívico-militares, a mobilização pede reajustes salariais e em promoções e progressões. Ainda segundo a entidade que representa os funcionários da educação, o ato segue os cuidados de prevenção a Covid-19.

Procurada pela reportagem, a Secretaria de Estado da Educação e Esporte (Seed) afirmou que permanece ouvindo os professores e ressaltou que todos os pedidos de reunião foram atendidos. Em relação ao PSS, em nota, a secretaria disse que o processo foi construído com diálogo, inclusive com a secretaria retirando a prova de redação e banca, como originalmente era planejado.

Sobre a consulta pública dos Colégios Cívico-Militares, a Seed ressaltou que o processo foi transparente, ouvindo as comunidades escolares, e que qualquer denúncia de fraude deve ser formalizada para que se tomem as devidas providências.

(Bandnews)

Deixe uma resposta