Paraná Extra

Requião vai à justiça eleitoral para tentar vaga de Arns

O senador Roberto Requião (MDB) ingressou nesta tarde com recurso no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) pedindo a cassação do diploma do senador eleito Flávio Arns. Se a Justiça Eleitoral acatar a requerimento, Requião, que ficou em terceiro lugar na eleição de outubro passado, assumirá a vaga de Arns.

O principal argumento do senador alega que, como secretário da Educação no governo de Beto Richa, Flávio Arns teve suas contas reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado, caracterizando improbidade administrativa e, consequentemente, tornando-se inelegível.

Requião diz que não tem interesse processual pela “condição de candidato não eleito, mas sim pelo dever que assiste a qualquer cidadão de comunicar tão graves irregularidades à Justiça Eleitoral para que sejam adotadas as providências cabíveis na preservação da higidez da democracia brasileira”.

Se a liminar for indeferida, os advogados de Requião pedem, em decisão posterior, que, caso Arns tome posse, seja cassado seu mandato, anulando os votos e declarando sua inelegibilidade. Assim, Requião assumiria a vaga do Senado.

Deixe uma resposta