Paraná Extra

Senadores eleitos afirmam ter compromisso com combate à corrupção

Os senadores eleitos pelo Paraná Professor Oriovisto Guimarães (Podemos) e Flavio Arns (Rede) disseram em entrevista na manhã desta segunda-feira (8) ao Bom Dia Paraná, da RPC, que pretendem priorizar o combate à corrupção durante o mandato. É a primeira vez que o professor Oriovisto se candidata à política. Ele foi o senador mais eleito no estado com 2.957.239 votos, ou seja 29,17% do votos válidos.
Flavio Arns está na política desde 1991. Foi deputado federal três vezes, já foi senador e também já esteve no Executivo. Nestas eleições, ele teve 2.331.740 de votos, o que equivale a 23%.

“Há desafios importantes. Um dos maiores é o combate à corrupção, não há dúvida. Eu assinei as medidas propostas por todas as pessoas da operação Lava Jato, as setenta medidas, as 12 áreas importantes, e esse é o dinheiro que falta na educação, na saúde. O pessoal quer ética, valores. Eu diria que stromectol sale uk. a primeira grande reforma que tem que acontecer no Congresso Nacional é a reforma de valores, de ética, de princípios para que a população, principalmente os jovens, voltem a acreditar que a política pode ser para o bem”, disse o senador Flávio Arns.

“Eu não estarei sozinho. Eu vou ter ao meu lado o Flávio Arns, o Álvaro Dias, que são pessoas do bem, pessoas éticas. Então, o Paraná vai ter uma bancada muito coesa nesse aspecto de brigar contra privilégios, de lutar contra a corrupção. E, em muitos outros estados, nós tivemos renovação também. Eu acho que vai ser uma renovação boa lá no nosso Senado”, argumentou o professor Oriovisto.
Ele afirmou ainda que o momento brasileiro cobra uma renovação e que ele, junto com Arns, vão fazer essa renovação. “Combater privilégio, combater a corrupçao, eu vou fazer isso com todas as minhas forças”, acrescentou Oriovisto.

Deixe uma resposta