Paraná Extra

Teatro Positivo é indicado para prêmio internacional de arquitetura

O Teatro Positivo foi indicado ao prêmio Obra do Ano 2018, do renomado site especializado em arquitetura, ArchDaily. Além do Teatro, concorrem ao prêmio outros dois projetos do Grupo Positivo: o Colégio Positivo Internacional e a Biblioteca Central da Universidade Positivo.

Esta é a segunda edição do prêmio, que visa reconhecer e premiar os projetos que causaram o maior impacto no meio arquitetônico em países de língua portuguesa. Entre a seleção inicial estão centenas de projetos oriundos do Brasil, Portugal, Moçambique, Angola, Guiné-Bissau, Timor-Leste, Guiné Equatorial, Macau, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe. Os vencedores são escolhidos por votação popular no site http://oda.archdaily.com.br/br/2018. A primeira etapa, de definição dos finalistas, acontece até o dia 20 de março. Os 15 projetos com o maior número de nomeações avançarão para a etapa de votação, que encerra no dia 27 de março.

A Biblioteca Central e o Grande Auditório do Teatro Positivo concorrem na categoria Arquitetura Cultural, e o Colégio Positivo Internacional, na categoria Arquitetura Escolar. Os três projetos são de autoria do arquiteto Manoel Coelho, conhecido por ações no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPPUC) de Curitiba, além de prêmios e participações em eventos de arquitetura nacionais.

O Teatro Positivo, que completa 10 anos no dia 29 de março, foi inspirado no Teatro Grego Epidaurus, do século IV a.C., e é mundialmente conhecido por oferecer aos espectadores visão e audição perfeitas em qualquer lugar da plateia. Entre as principais características, pode-se destacar as coxias amplas, varas móveis, cabines de som, luz, projeção e tradução. Além disso, o espaço tem capacidade para 2.400 espectadores e é considerado um dos maiores teatros do Brasil. O edifício é composto de três grandes volumes que se relacionam e definem claramente os principais setores do teatro: foyer, plateia e palco. O revestimento externo contrasta e alterna o uso de concreto, vidro e pastilhas cerâmicas brancas com o arenito vermelho, pedra típica do Paraná. No palco, suas dimensões e completa infraestrutura cênica, incluindo fosso móvel para orquestra, possibilitam qualquer tipo de espetáculo – teatro, dança, orquestra, ópera, shows, palestras, formaturas, etc.

Deixe uma resposta