Paraná Extra

Temporal afetou 24 cidades, atingindo 1.578 pessoas

A Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil do Paraná está acompanhando e concentrando informações sobre a situação dos municípios atingidos pelas fortes chuvas e vendavais neste fim de semana. Segundo relatório divulgado na manhã desta segunda-feira (02), 24 cidades foram atingidas. Dez municípios registraram ocorrência no sistema da Defesa Civil, 1.578 pessoas foram atingidas. Não há registro de desabrigados. Cerca de 100 casas foram destelhadas.

Na região de Francisco Beltrão, no Sudoeste do Estado, 11 municípios sofreram com o vendaval seguido de chuva. Em Bela Vista da Caroba, mais de 700 pessoas foram atingidas e, em Pato Branco, cerca de 400.

De acordo com major Antônio Schinda, da 12ª Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil (Sudoeste), vários pontos estão sem luz nesses municípios. Houve queda de árvores e destelhamentos e cerca de 354 residências foram danificadas. “Temos equipes atuando em diversas regiões, fazendo a retirada das árvores e dando apoio à população”, disse Schinda.

Até o momento, a Defesa Civil registrou ocorrências também em Capanema, Paranavaí, Santa Isabel do Oeste e Maringá, Guaratuba, Coronel Vivida, Paranavaí e Planalto. “Seguimos monitorando e prestando auxílio. Provavelmente nas próximas horas vamos ter registrado estragos em mais cidades, afirma o tenente Anderson Gomes das Neves, da Defesa Civil Estadual.

PREVISÃO – De acordo com o meteorologista do Simepar, Samuel Braum, as chuvas continuam nesta segunda-feira em todo o Estado, só que de forma mais amena e isolada. Não há previsão de vendavais.

As rajadas de vento são mais fortes entre a manhã e tarde na região de Curitiba e no Litoral do Estado. Entre o Oeste e o Sudoeste há uma melhora gradual nas condições do tempo, com o afastamento das áreas de chuva. O tempo deve melhorar até sexta-feira, quando a previsão é de que a chuva retorne no Estado.

Deixe uma resposta