Paraná Extra

TJ garante que cumpriu metas do Conselho Nacional de Justiça

Criticado nos últimos anos pelo Conselho Nacional de Justiça, o Tribunal de Justiça do Paraná está anunciando que cumpriu integralmente as quatro metas que lhe foram fixadas pelo órgão para 2011.

 

Para o cumprimento da Meta 1, que diz respeito à criação de unidade de projetos para auxiliar a implantação da gestão estratégica, o Tribunal instituiu o Escritório de Projetos, coordenado pelo NEGE – Núcleo de Estatística e Gestão Estratégica. Esse escritório já vem desenvolvendo projetos para agilizar as ações da administração do Tribunal de Justiça.

 

Em relação ao cumprimento da Meta 2, que se refere à implantação de sistema de registro audiovisual de audiências em pelo menos uma unidade judiciária de primeiro grau, o TJ implantou o sistema que está em funcionamento na 7ª Vara Criminal do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba.

 

Para a Meta 3, com o objetivo de julgar quantidade igual de processos de conhecimento distribuídos em 2011 e parcela do estoque, a Justiça do Paraná julgou 862.490 processos, enquanto a distribuição se manteve em 800.043, atingindo uma produtividade de 107,81%.

 

Já para o cumprimento da Meta 4, com referência à implantação de um programa de esclarecimento ao público, o Tribunal de Justiça acolheu o programa “Justiça se aprende na escola”, cujas ações estão a cargo da 2ª vice-presidência.

 

O presidente desembargador Miguel Kfouri Neto agradeceu o empenho dos magistrados e servidores no cumprimento das metas do CNJ.

Deixe uma resposta