Paraná Extra

Traficante usou emissor de fumaça para fugir da policia na BR-277

A perseguição da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Civil terminou com a apreensão de 167,3 quilos de maconha na tarde desta segunda-feira (26) em Morretes, na região da Serra do Mar.

A droga era transportada na caminhonete Toyota Hilux. Os policiais deram ordem de parada ao veículo no quilômetro 68 da BR 277, em São José dos Pinhais.

O motorista ignorou a ordem e iniciou a tentativa de fuga, sentido Litoral do Paraná. Com placas clonadas, o carro estava equipado com um dispositivo emissor de fumaça branca pelo escapamento. O dispositivo, cujo objetivo é encobrir a visão dos policiais, foi utilizado por diversas vezes contra a viatura da PRF, que vinha logo atrás da caminhonete.

O motorista passou em alta velocidade pela praça de pedágio, estourando uma das cancelas do pedágio e colocando em risco a vida dos funcionários da concessionária. No quilômetro 54, já em Morretes, ele perdeu o controle do veículo, bateu em um barranco e correu na direção de uma área de mata.

As equipes fizeram buscas pelas imediações, inclusive com o apoio de um cão farejador da Polícia Militar, mas o traficante ainda não foi encontrado.

Além dos 167,3 quilos de maconha, havia dentro da caminhonete um galão de óleo diesel, que estava acoplado ao sistema de emissão de fumaça. A caminhonete foi roubada no último mês de abril, em Queimados (RJ).

A ocorrência foi encaminhada à Divisão de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil do Paraná.

Deixe uma resposta