Paraná Extra

Último boletim do Alerta Geada foi emitido na segunda

O Iapar (Instituto Agronômico do Paraná) e o Simepar emitiram na segunda-feira (17) o último boletim da edição 2018 do Alerta Geada, serviço criado para auxiliar os produtores de café do Estado a adotar técnicas de proteção das lavouras quando da ocorrência do fenômeno.

A recomendação aos agricultores que amontoaram terra no tronco dos cafeeiros é retirar imediatamente a proteção, procedimento que deve ser feito com as mãos para evitar danos às plantas.

Como ocorre todos os anos, o serviço entrou em operação em maio, com previsões diárias de temperatura e do risco de ocorrer geadas na região cafeeira do Estado.

INVERNO AMENO – Neste inverno prevaleceram temperaturas amenas na zona cafeeira do Paraná. Nenhum alerta foi emitido no período de funcionamento do serviço. “Diferente do esperado, não houve ingresso de massas de ar polar com potencial para formar geadas que pudessem prejudicar o parque cafeeiro”, explica a diclofenaco sodico 50 mg. meteorologista Ângela Beatriz Costa.

Ainda de acordo com a pesquisadora, o inverno deste ano ficará marcado pelo déficit de chuvas. Na estação meteorológica de Londrina foram registrados 10,8 mm em abril, 23 mm em maio e 31,4 mm em junho, contra uma média histórica de 93,4 mm, 111 mm e 93,6 mm, respectivamente. “Sempre se espera uma quantidade menor de precipitações no inverno, mas este ano o volume foi realmente muito baixo”, diz a pesquisadora.

Informações sobre temperatura e precipitações no período podem ser obtidas no endereço www.iapar.br.

Deixe uma resposta