Paraná Extra

Vereadores se negam a aprovar aumento de seus próprios salários

Os vereadores de Foz do Iguaçu, na região oeste do Paraná, rejeitaram a proposta de aumento dos próprios salários. A decisão foi tomada nessa quinta-feira (6). O índice de aumento apresentado era de 2,06%, valor equivalente às perdas com a inflação em 2017. Na mesma votação os vereadores também votaram contra ao reajuste dos salários do prefeito, vice-prefeito, do procurador-geral e dos secretários municipais.

Os vereadores justificaram a decisão por conta da situação econômica do país. Atualmente o salário do prefeito de Foz do Iguaçu é de quase 22 mil reais e do vice de quase 15 mil reais. Os salários dos secretários e dos procuradores é de 10 mil e o dos vereadores é de 9 mil reais.

Deixe uma resposta