Paraná Extra

Volta às aulas na rede estadual só com compromisso por escrito dos pais

Pais e responsáveis que optarem pelo retorno presencial das aulas no Paraná, previsto para setembro, deverão assinar um termo de ciência, se comprometendo a seguirem as regras de prevenção ao coronavírus, assim como os estudantes. O documento faz parte do protocolo para retorno das atividades presenciais, divulgado oficialmente neste sábado (1º), pela Secretaria Estadual da Educação e Esporte (Seed).

Entre os itens listados no termo, está o compromisso que a família do estudante deve ter em entrar em contato com a escola caso o aluno apresente sintomas da Covid-19. Além disso, caso o estudante seja contaminado com o coronavírus, todos os membros da família deverão ficar em isolamento.

Conforme o diretor-geral da Seed, Gláucio Dias, o termo é necessário para que os pais se comprometam a não encaminharem os estudantes doentes para dentro das escolas, evitando um possível contágio coletivo.
O protocolo de retomada das aulas presenciais não estabelece uma data específica de retorno, mas projeta que deve ocorrer em setembro, mediante aval da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). O retorno será feito de forma híbrida. Ou seja, as aulas remotas devem continuar diárias, no ambiente virtual, enquanto as atividades presenciais acontecerão de forma escalonada, com os estudantes divididos em grupos.

Para o microempreendedor Hilo (ILO) Pereira, a volta das aulas presenciais poderia ser feita mais adiante, em um momento em que haja queda no número de casos do coronavírus. Ele relata preocupação quanto ao transporte dos alunos.
Conforme o protocolo, os veículos de transporte escolar deverão reforçar as medidas de higienização no interior dos automóveis e do sistema de ar condicionado, respeitando o limite de ocupação de 50% da capacidade, sendo obrigatório o uso de máscaras, por todos os integrantes do veículo, durante todo o trajeto, devendo, ainda, as mochilas, serem higienizadas no momento da retirada do veículo, antes da entrega para a criança, professor ou pais ou responsáveis. Além disso, os veículos deverão manter as janelas abertas, evitando o uso de ar condicionado e os bancos deverão ser marcados para não utilização a fim de manter o distanciamento.

(Bandnews)

Deixe uma resposta