Paraná Extra

Município obriga doentes com a Covid-19 a usarem pulseiras

Um município do interior do Paraná está identificando doentes com a Covid-19 com pulseiras. Tuneiras do Oeste, na região noroeste, diz que a medida foi necessário depois do aumento de casos no muncípio e segundo o chefe do setor de epidemiologia da Secretaria Municipal da Saúde, Clarisvaldo Vieira, também porque pacientes positivados foram flagrados desrespeitando o isolamento.

As pulseiras são divididas em três cores. As vermelhas para pacientes positivados para o coronavírus, as amarelas para quem ainda aguarda o resultado de exames, e a verde para quem está em isolamento por ter tido contato com alguém infectado. Antes de receberem a pulseira os pacientes devem assinar um termo de consentimento. A medida, que é lei na cidade aprovada recentemente pela Câmara Municipal, estabelece multa para quem violar a pulseira: R$ 460,64. Em caso de reincidência o valor será cobrado em dobro.

A utilização obrigatória das pulseiras começou a vigorar no início desta semana. Conforme boletim divulgado pela prefeitura, Tuneiras do Oeste acumula 820 casos confirmados e 16 mortes causadas pela Covid-19.

Deixe uma resposta