Paraná Extra

PMDB quer Casa Civil e Agricultura para continuar apoiando Beto Richa

O PMDB quer ter uma presença mais efetiva no goverrno Beto Richa. A bancada estadual reivindica mais duas secretarias estaduais – além da Secretaria do trabalho e do Emprego, ocupada por Luis Cláudio Romaneli – para continuar apoiando a administração. Seriam as pastas da Casa Civil e da Agricultura. O governador teria aceitado o pedido, mas não as secretarias que o PMDB quer. Ofereceu as secretarias da Administração e Meio Ambiente.

 

Para as secretarias defendidas pelo partido, um dos nomes mais cotado é o do deputado estadual Alexandre Curi. Já, Luis Eduardo Cheida já chegou a ser cogitado para o Meio Ambiente, cargo que já ocupou.

 

COMANDO

 

Reunião realizada na última segunda-feira (12), no PMDB, reuniu 19 lideranças que se opõem ao nome do senador Roberto Requião para presidir o partido. Além de deputados federais e estaduais, o ex-governador Orlando Pessuti, que é candidato. O senador teria o apoio do sobrinho e deputado federal João Arruda e do estadual Anibelli Neto.

 

MORTE

 

A morte do ex-deputado federal Expedito Zanotti, ocorrida nesta terça-feira (13), em Foz do Iguaçu, foi registrada na Assembléia Legislativa pelo deputado estadual Stephanes Junior (PMDB). Falecido aos 82 anos, durante uma visita a parentes, Expedito foi prefeito de Faxinal e vereador neste mesmo município e em Apucarana.

 

Advogado e ruralista, Zanotti foi deputado federal pelo extinto MDB, de 1.974 a 1.979, tendo uma intensa atuação política no período da ditadura militar. Morador de Faxinal, onde foi prefeito de 1956 a 1960, tinha seis filhos e ainda atuava na advocacia.

 

“Perde o Paraná mais um grande político, a exemplo do que ocorreu há poucos dias com a morte do ex-deputado federal Italo Conti”, destacou Stephanes ao registrar o falecimento.

Deixe uma resposta